terça-feira, 19 de junho de 2018

UERN:

O professor Joacir Rufino de Aquino (foto), do curso de Economia do Campus Avançado Prefeito Walter de Sá Leitão, da Universidade do Estado do RN (UERN), em Assú, teve artigo publicado no portal Brasil Debate e na Carta Capital, dois dos portais de discussões mais importantes do Brasil.
Uma versão do artigo do professor da UERN já havia sido publicada na Revista de Economia e Sociologia Rural, da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural (SOBER), volume nº 56, destaca informação publicada pelo site da UERN.
O texto publicado na revista tem ainda as assinaturas dos professores Márcio Gazolla (Universidade Tecnológica Federal do PR, UTFPR) e Sérgio Schneider (Universidade Federal do RS, UFRGS).
A Revista de Economia e Sociologia Rural é a mais importante do Brasil na divulgação e difusão de resultados de pesquisas nas áreas de economia, administração, extensão e sociologia rural, promovendo e estimulando o debate de temas e fatos de importância econômica e social.
O artigo trata de identificar os elementos característicos da estrutura agropecuária brasileira e demonstrar a marcante desigualdade presente na agricultura familiar do país.
Para o estudo, foi realizada uma pesquisa bibliográfica sobre o tema, bem como um levantamento de dados estatísticos oficiais relacionados ao perfil produtivo do setor e à oferta de crédito rural.
Postado por Pauta Aberta.

segunda-feira, 11 de junho de 2018

REMINISCÊNCIAS:

Por João Felipe da Trindade
Dornelles Bittencourt está na minha ascendência. Por isso, quando encontrei esse registro em Assú, resolvi transcrever para o blog.
Aos 28 de julho de 1826, na Fazenda Boa Esperança, pelas onze horas da manhã, em presença do Padre Manoel Esteves do Nascimento, de minha licença, e das testemunhas abaixo nomeadas, se receberam por esposos presentes Jerônimo Emiliano de Freitas e Inácia Dornelles Bittencourt, meus fregueses, o esposo de 20 anos, filho legítimo de João de Freitas Lira e de Isabel de Barros, a esposa de 20 anos filha legítima de Paulo Gomes de Melo, falecido, e de Teresa Maria de Jesus, esta natural da Freguesia do Seridó, donde apresentou papéis desembaraçados, aquele natural, e moradores neste Assú, onde se fizeram as denunciações necessárias, sem impedimento, e logo lhes deu as bênçãos matrimoniais, sendo primeiramente confessados e examinados na Doutrina Cristã, presente por testemunhas Félix Gomes de Melo, e Félix José Dantas, casados, todos deste Assú, e para constar fiz este assento me que me assino. Joaquim José de Santa Ana, Pároco do Assú.
P. S. Ainda nos registros de Assú, mais uma Dornelles Bittencourt: em 13 de maio de 1833, Manoel Joaquim Casado, de 21 anos, natural da Freguesia de Nossa Senhora da Conceição de Brejo de Areia, filho de Manoel Martins Casado e de Ana Dornelles Bittencourt, casou com Rosa Maria da Conceição, de 21 anos, filha de Veríssimo Vieira de Melo e de Maria Francisca, falecida, na presença de Veríssimo Vieira Junior e de Galdino Vieira de Melo, solteiros.
Postado por Hipotenusa.

quinta-feira, 7 de junho de 2018

CONVITE:

 
A CULTURA SERTANEJA E AS ARTES NA CIVILIZAÇÃO DA SECA. Esse será o tema da palestra que acontecerá amanhã, sexta-feira, dia 08 de junho, às 19 horas, no Cine Teatro Dr. Pedro Amorim, promovido pela Academia Assuense de Letras.
O palestrante, Benedito Vasconcelos é professor, doutor e possui uma vasta experiência em estudos sobre o semiárido nordestino. É membro de diversas academias, entre elas a Academia Norte-rio-grandense de Letras além de ser o proprietário do Museu do Sertão de Mossoró.
A intenção é reunir estudantes, professores e a comunidade para debater as relações entre a seca e a arte no ambiente físico do sertão.
Na oportunidade será lançado o mais novo livro de Benedito Vasconcelos "As Artes na Civilização da Seca". 
Todos estão convidados.   

terça-feira, 5 de junho de 2018

AÇÃO PARLAMENTAR:

segunda-feira, 28 de maio de 2018

CULTURA:

FEIRA DA LUA
A Prefeitura Municipal de Assu através da Sala do Empreendedor, convida a todos os Assuenses e região a participar da 8ª edição da Feira da Lua.
Um evento inovador e cheio de harmonia para abrilhantar e fortalecer ainda mais o nosso comércio local.
O evento terá a participação de diversos stands, bem como:
* Culinárias*
* Degustação*
* Artesanato *
* Parque infantil*
* Apresentação Cultural*
* Pequenos Negócios*
* Atrações musicais*
Data do evento: 02/06/2018.
Horário: 18h00 as 23h00.
Local: Praça São João Batista
Atração musical:

sexta-feira, 25 de maio de 2018

REMINISCÊNCIAS:


Assu, julho de 1972. Dia festivo nas dependências do Colégio Nossa Senhora das Vitórias - Assu, uma homenagem da sociedade assuense em razão do ingresso da poetisa assuense (por adoção), de Lavras, Maria Eugênia Maceira Montenegro na qualidade de sócia efetiva da Academia Norte-Rio-Grandense de Letras. 
Dona Gena, como era habitualmente chamada, começou a fazer poesia ainda na sua adolescência, na sua querida Lavras, cidade interiorana ao sul de Minas Gerais. Assuense por adoção e outorga. Gena veio a se aperfeiçoar literariamente na Terra dos Poetas - Assu onde viveu mais de sessenta anos, inspiradas no solo da terra dos verdes carnaubais. É de autoria daquela escritora, o poema que transcrevo, para o nosso deleite:

Eu vou espalhar rosas em seus caminhos
E retirar todos os espinhos pra você passar.
Um tapete de pétalas perfumará seus pés,
Que sabem pisar qualquer chão,
Em qualquer lugar.
É uma forma sutil de beijá-los,
De agradecer de coração,
De dizer que seus pés foram feitos
De duas grandes naus,
Que sempre procurando um porto novo,
Navegam em altos mares,
Levando alento e alegria a todos os lugares. 

(Na fotografia, da esquerda para direita, podemos conferir o célebre poeta Renato Caldas, o Promotor Público Expedito Dantas da Silveira, a escritora Maria Eugênia Maceira Montenegro, o funcionário Público dos Correios José Nazareno, o ex-prefeito e ex-deputado (presidente da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte - 1953-53) Ezequiel Epaminondas da Fonseca Filho, o agro-pecuarista Astério Barbosa Tinôco, o funcionário do Senado Federal Herval Tavares e o escritor e ex-prefeito do Assu, Francisco Augusto Caldas de Amorim - Chisquito. (Foto de Pedro Otávio Oliveira)

Postado por Fernando Caldas.

quarta-feira, 14 de março de 2018

CULTURA:

Uma parceria firmada entre a Academia Assuense de Letras e a Escola Internacional de Filosofia Nova Acrópole, unidade Mossoró, trará a cidade do Assu na próxima quinta-feira, 15, às 19h30, no Cine Teatro Pedro Amorim, uma das células da programação que irá ocorrer no período de 12 a 17 em todo o país, nas cidades em que a Nova Acrópole está presente. 

A Nova Acrópole tem como propósito a difusão e promoção de valores humanos por meio de três vias: Filosofia, Cultura e Voluntariado, atualmente, presente em 60 países. 

A Semana da Arte da Nova Acrópole de 2018 visa refletir sobre o papel da Arte como uma ponte para o humanismo e cultivo do conhecimento. E, para isso, realiza em Assu uma programação repleta de Filosofia e Cultura, com a palestra magna "Viver com arte - A beleza como expressão da vida", proferida pelo professor Ádison Mitre, e um sarau poético com membros da Academia Assuense de Letras e a participação especial do poeta Antonio Francisco. 
O acesso é gratuito.

Postado por Alderi Dantas.